Sapo Viajar : Casa da Memória

Conheça um pouco da história da ilha do Fogo. Vivências e artefactos que contam histórias de outros tempos.O tradicionalismo, as vivências e os...

artefactos que contam parte história da ilha do Fogo podem ser observados na Casa da Memória, um projecto pessoal dirigida por Monique Widmer. 

Ao pisar este antigo sobrado, construída no século XIX, está-se a pisar um pouco da história da ilha. Impecavelmente conservada, a casa possui um largo pátio interior que coloca o visitante, por alguns instantes, a tentar adivinhar as vidas que por aí passaram e as estórias que testemunharam àquelas paredes.

Historicamente a casa foi usada para habitação e, posteriormente, casa comercial de onde herdou o nome “armazém”. Foi restaurada em 2001 e constitui, actualmente, um espaço de referências históricas para ilha.

Foi palco do primeiro cinema ao ar livre da ilha, onde nos anos 60 era projectado filmes no pátio. Actualmente, as projecções foram retomadas, sem nenhum fim lucrativo, e é possível visualizar algumas projecções de filmes, normalmente, acompanhados de debate posterior na presença de algum professor da ilha.

Na área de exposição a casa possui uma rica e diversificada mostra de artefactos que fazem parte das memórias da ilha. O mobiliário exposto mostra a arrumação dos quartos, as louças, os caldeirões, um pouco da vida anterior da ilha.

Um outro espaço que pode ser visitado na casa é a biblioteca com uma diversidade de livros, estudos e artigos referentes a Cabo Verde e a ilha do Fogo em particular.

Estudos de vulcanologia, a história das festas tradicionais da ilha e outros temas podem ocupar uma agradável tarde de leitura neste espaço imaculadamente preservado. 

 

Informações úteis:

 

Horário da Visita: Quarta, quinta e sexta-feira das 10:00h às 12:00h

**Marcação Prévia: Opcional

Fotos: Hilda Teófilo